Pedigree: por que exigir em seu cão de raça?

Escrito na categoria "Cães, cachorros e caninos" por André M. Coelho.

Hoje vamos falar de um termo comum no mundo animal, mas que certamente pouca gente sabe ao pé da letra o seu significado. O que é cão com Pedigree?

Através de um comunicado a Confederação Brasileira de Cinofilia citou a importância de se ter um cão com Pedigree totalmente avaliado por eles. Isso certamente evita problemas futuros com seu animal, além de melhorar a raça e evitar a consangüinidade, taras genéticas, displasia coxofemorais entre outras.

O que é?

O Pedigree nada mais é do que o registro genealógico de um cão com raça totalmente pura. Atualmente no Brasil temos o Registro Geral que é atribuído aos filhotes de dois cães, ambos com Registro Geral do mesmo canil onde nasceram filiados a CBKC.

O criador preenche uma espécie de mapa de ninhada no Kennel Clube, que é uma sociedade civil de direito privado totalmente sem fins econômicos, com sede, domicílio e foro.

Se você quer saber se o cão tem pedigree, o dono deve ter o Registro Geral deste cão. Veja uma imagem deste RG na imagem abaixo:

O que é cão com pedigree?

Como saber se o meu cão tem pedigree?

Neste tal “mapa” vai constar informações como:

Após todo o preenchimento, este mapa será encaminhado pelo clube da cidade à Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC).  Ela será a responsável por emitir o pedigree para cada um destes filhotes, neste documento irá constar toda a sua árvore genealógica até a terceira geração.

Se você tem um cão sem pedigree e quer registrá-lo, você deve levá-lo até alguma Exposição de Beleza de Cães de Raça Pura e pedir que 3 juízes especializados em raças caninas examinem o cão. Depois averiguar o animal de acordo com padrões internacionais, eles vão dizer se o cão é aprovado ou não. Caso a resposta seja positiva, o cão passa a ter um certificado de Pureza Racial, certificado que é chamado de CPR.

Na emissão deste documento, ficarão em branco os campos referentes à sua filiação, eles só ficaram completos depois da terceira geração deste cão.

Esperamos que vocês tenham gostado deste artigo e finalmente tenham compreendido o termo cão com Pedigree. Qualquer dúvida que tenha ficado, basta você deixar um comentário e teremos o enorme prazer em respondê-lo!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

André sempre se preocupou com animais de estimação e já teve cachorros, gatos, chinchilas, peixes, e hamsters. Para poder cuidar dos seus bichos, teve de pesquisar e estudar muito, conversando com técnicos e profissionais da área. Desde 2012, decidiu compartilhar com os leitores do blog o conhecimento que aprendeu em todo este tempo.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO prescrevemos substâncias ou tratamentos veterinários. NUNCA faça tratamentos em seu animal ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um veterinário.

Deixe um comentário