A média de vida de um cão é de 11 anos. Raças pequenas tendem a viver mais tempo, muitas vezes mais de 17 anos, enquanto raças grandes são considerados idosos ao chegar aos 6 anos de idade ou 7. Os cães maiores costumam ter mais pressão sobre suas articulações e coração, portanto, a vida útil é mais curta.

Cuidar de um cão idoso não é tão simples quanto apenas alimentá-los e levá-los para fora para ir ao banheiro. Na verdade, é muito mais complexa. E o que dizer de um cão idoso que está ficando cego ou já está completamente sem visão? Aqui, vamos mostrar-lhe sete maneiras de ajudar a cuidar do seu amado amigo.

Cachorro ficando cego: sintomas e causas

Os cães podem ficar cegos por causa de doenças, genética, cataratas ou ferimentos graves. A catarata é normalmente vista em cães que são mais velhos, mas a genética pode fazê-la aparecer em cães mais jovens também. As raças com maior probabilidade de desenvolver catarata são o boston terrier, labradores e golden retrievers.

O cão apresentará sintomas como esbarrar em objetos ao redor da casa e terá dificuldade de reflexo a movimentos, objetos, pode não mais buscar objetos arremessados por você, e pode começar a ficar com medo de certos estímulos. O cão pode começar a ficar mais atento e depender mais dos ouvidos para se movimentar.

Felizmente, o cão e o proprietário podem ajustar-se à cegueira. Se ela ocorre subitamente, tal como a partir de uma lesão, o ajustamento é mais longo do que ocorre se for lentamente ao longo de um certo período de tempo, como acontece com a catarata.

Cão ficando cego e o que ser feito

Quando seu cão estiver ficando cego, existem várias atitudes que você pode tomar para tornar a vida de seu amiguinho mais tranquila, melhorando sua qualidade de vida e a dele. (Foto: www.itchmo.com)

Meu cachorro ficou cego de repente ou gradualmente: companheirismo como solução!

Só porque o seu cão ficou cego não significa que ele deva ser deixado de lado. Surpreendentemente, algumas pessoas não dão atenção, muito menos carinho a um cão cego, e algumas chegam a pensar em sacrificar o cão. Isso não poderia estar mais longe da verdade. Os cães não tem uma visão tão boa quanto os seres humanos, de modo que ser cego realmente não vai afetá-los muito. Cães já são parcialmente cegos de cores, eles não podem se concentrar em objetos que estão muito perto deles e eles não enxergam muitos detalhes, assim estar ficando cego é, na verdade, mais difícil para você do que para eles.

Passe a conversar mais com seu cão

Fale com o seu cão regularmente para tranquilizá-lo de sua presença. Comandos de uma palavra são os melhores, ja que os cães não entendem frases completas. Interaja regularmente com o seu cão, dizendo-lhe para se sentar, vir ou ficar. Use uma voz feliz, alegre. Os cães estão sempre em sintonia com os seus donos. Assim, sempre esteja feliz e positivo em sua presença.

Mantenha as tigelas de comida, água, e cama do cão em pontos fixos

Não mova o pote de comida, água, ou caminha do cão. Cães cegos precisam de rotinas e são confortados sabendo onde está comida e cama. Além disso, tente não se mover sua própria mobília muitas vezes, pois você pode provocar ansiedade no cão ou fazer com que ele bata nos objetos ao andar pela casa.

Faça a casa fácil de navegar

Mantenha os corredores livres e use portões para manter seu cão fora das salas que podem ser perigosos. Se você tiver escadas, bloqueie os degraus para que o cão não possa ir para cima e para baixo, ou ajude-o a ir para cima e para baixo toda vez. Escadas tendem a ser um ponto de estresse para cães cegos. Além disso, considere a colocação espuma ou alguma proteção macia nas quinas de madeira de mesas, portas, e outras áreas onde seu cão pode se machucar.

Use a coleira e a guia no cão regularmente

Cães cegos se sentem seguros quando eles estão sendo guiados. Se o seu cão de repente ficou cego, use a coleira em torno da casa até que o cão fique familiarizado com o território. Além disso, sempre passeie com o cachorro com uma coleira para impedi-lo de perder a segurança no caminho. Há acessórios também que você pode usar, como coleiras para cães cegos, que vão ajudar a orientar o cão na sua casa a não esbarrar em objetos.

Ouça o seu cão

Você tem que passar a ouvir sinais como grunhidos, respiração, choros, reclamações do cão. Esses sinais vão mostrar em quais situações e onde seu cão está desconfortável, para poder dar mais suporte a ele e ajudá-lo a superar e se adaptar a essa nova fase.

Mantenha seu cão socializado

Embora não vá ser o melhor momento para introduzir um novo animal de estimação para a mistura, é uma boa ideia para manter o seu cão socializado. Tenha em mente que isto só se aplica aos cães que estão com a saúde relativamente boa. Se seu cão tende a ficar estressado quando outros cães estão presentes, não se sinta obrigado a socializá-lo. Você pode arrumar um amiguinho, passear o cão com outros amiguinhos, entre outras soluções.

Cachorro cego pode voltar a enxergar?

Depende do tipo de cegueira que o cão tem. Catarata, por exemplo, tem ser realizada a cirurgia para curar a cegueira do cão. Outras doenças, como o glaucoma, podem ter tratamento. Já a diabetes canina, por outro lado, podem causar a cegueira permanente e não ter cura. O veterinário deve ser consultado para dar o diagnóstico apropriado e oferecer o melhor tratamento.

Seu cão está cego ou ficando cego? Qual o tratamento ou cuidados você toma com seu cachorro que está cego ou ficando cego?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO prescrevemos substâncias ou tratamentos veterinários. NUNCA faça tratamentos em seu animal ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um veterinário.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)