Os gatos estão em risco de um grande número de parasitas intestinais. Comumente chamados de “vermes”, esses intrusos gananciosos podem roubar a nutrição de um gato e até mesmo deixar os seres humanos doentes. O que os veterinários querem que você saiba sobre vermes em gatos? Aqui estão as informações que você precisa para te ajudar a encontrar sintomas de vermes para comunicar ao veterinário do seu bichinho.

Tipos de vermes em gatos

Vermes vem em uma variedade de formas e tamanhos. Eles podem ser regionalmente específicos, sazonais ou até mesmo passar por uma população específica de gatos. Aqui estão alguns dos vermes mais comuns em gatos.

Lombrigas

Os parasitas intestinais mais comuns em gatos, lombrigas medem até 10 cm comprimento e se assemelham a espaguete.

Ancilostomídeos

Muito menores que as lombrigas, os ancilóstomos tem geralmente menos de 3 cm de comprimento e vivem no intestino delgado dos gatos. Podem causar anemia com risco de vida em gatos adultos e especialmente em gatinhos.

Tênias

Tênias são longas e planas, lembrando tiras de fita. Eles são segmentadas e podem ter até 60 cm de comprimento. Com o tempo, uma infestação de tênia geralmente causa vômitos e / ou perda de peso.

Como os gatos obtêm vermes?

É muito mais fácil para os gatos pegarem parasitas do que você imagina. Gatos geralmente pegam vermes por si mesmos, ingerindo as fezes de outros gatos infectados. Por esta razão, os gatos ao ar livre são muito mais propensos a sofrer de vermes.

Como os vermes vivem em uma grande variedade de hospedeiros, os gatos podem obter certos parasitas ingerindo animais infectados, como caracóis, lesmas, pulgas ou até mesmo roedores. Gatos que são mães também podem passar vermes para seus gatinhos durante a amamentação ou até mesmo através de contato próximo.

Os gatos que não recebem cuidados preventivos regulares correm maior risco de infestação por vermes. Uma vez que as pulgas podem abrigar uma grande variedade de bactérias e parasitas, manter seu gato livre de pulgas é o primeiro passo para mantê-los livres de vermes também.

Sintomas de verminose em gatos

Vermes presentes em uma variedade de maneiras. Alguns gatos exibem muitos sintomas visíveis, enquanto alguns não mostram nenhum sinal. A avaliação da infecção por parasitas é uma das razões mais importantes para um veterinário qualificado ver seu gato pelo menos uma vez por ano. Alguns dos sinais mais comuns que seu gato pode ter vermes incluem:

Segmentos de vermes visíveis ou vermes inteiros nas fezes do seu gato ou ao redor do ânus dele

Fezes com sangue/diarreia

Vômito

Perda de peso inexplicável (especialmente se o nível de fome é inalterado)

Barriga inchada ou especialmente arredondada

Prisão de ventre

Tosse constante

Dificuldade ao respirar

Vermes em gatos

Um gato com vermes ficará cansado e apresentará também outros sintomas fáceis de identificar. (Foto: Medium)

Leve seu gato ao veterinário

Se você tiver algum motivo para suspeitar que seu gato possa ter vermes, marque uma consulta com um veterinário imediatamente. Apenas um veterinário pode diagnosticar com precisão o seu animal de estimação com vermes e fornecer o seu gato com o remédio que ele precisa para se livrar de parasitas.

Além disso, lembre-se de que é possível que gatos transmitam certos tipos de vermes para humanos. Lombrigas, por exemplo, podem facilmente viajar de felino para hospedeiro humano. Certifique-se de lavar bem as mãos depois de tocar em um gato suspeito de ter vermes e de usar luvas se manusear as fezes dele.

Como tratar e prevenir vermes em gatos?

Tratar vermes geralmente é relativamente simples. Uma vez que o tipo específico de verme for identificado, seu veterinário irá prescrever seu gato um curso de medicação projetado para erradicar a infecção. Estas medicações diferem pelo tipo de verme; isto é, o tratamento com lombrigas não vai funcionar para matar os ancilostomídeos.

Depois de receber tratamento para vermes, você notará vermes e / ou segmentos de vermes nas fezes do seu gato. Não se assuste – este é apenas o corpo dele se livrando dos parasitas – mas seja cauteloso ao manipular ou eliminar os excrementos.

A melhor maneira de prevenir uma infecção parasitária em seu gato é mantê-lo fora de perigo. Os gatos que vivem em ambientes fechados têm menor probabilidade de pegar vermes, assim como os gatos que permanecem livres de pulgas e carrapatos com o uso de medicamentos de prevenção de prescrição.

Como você cuida de seu gatinho com vermes? Quais estratégias de tratamento funcionam para seus bichinhos?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO prescrevemos substâncias ou tratamentos veterinários. NUNCA faça tratamentos em seu animal ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um veterinário.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)