No artigo de hoje vamos falar de um assunto bem comum no mundo animal. Nós estamos falando do estrabismo canino, vamos ajudar os donos a entender este problema que acontece com seus pets.

A pergunta mais freqüente que encontramos foi: O meu cão está ficando “vesgo”. O que eu posso fazer?

O termo correto para utilizar neste problema é estrabismo, ele é usado para descrever um desvio na posição normal dos olhos, podendo acontecer em um ou nos dois olhos.

Geralmente nós podemos perceber movimentos dos olhos para os lados, para cima e para baixo, estes movimentos acontecem por influência de pequenos músculos que estão conectados ao globo ocular.

De forma ocasional, algum destes músculos pode se tornar bem mais forte que o músculo do olho oposto, fazendo com que eles apresentem movimentos e posições diferentes.

Se o problema levar os olhos a convergem em direção ao nariz ou para dentro, o quadro é chamado de “estrabismo convergente”. Agora se o problema levar os olhos a apontar para fora, o quadro é chamado de “estrabismo divergente”.

Porque o cachorro fica vesgo?

O que é estrabismo?

Causas

O estrabismo pode acontecer devido a um ferimento no nervo do sistema muscular responsável por movimentar os olhos ou um sintoma de algum distúrbio no sistema vestibular do cão. Este problema no sistema vestibular faz com que o cão se sinta como se estivesse girando e com isso os olhos tentam se ajustar.

Muitas vezes este estrabismo é uma condição herdada dos pais e nenhum tratamento é recomendado, sendo que nestes casos é considerado como um problema estético e não afeta quase nada a qualidade de vida do cachorro.

Como tratar e prevenir?

Se o cão tem problema de estrabismo hereditário, não é recomendado que este cão cruze, pois as chances do quadro se manifestar nos filhotes são enormes.

No caso dos animais que sofrem de estrabismo devido a doenças ou ferimentos, deve ser feito vários exames a fim de ser diagnosticado o problema e como tratar, existe diversas formas de tratamento e em alguns casos antiinflamatórios resolve.

Jamais medique os eu animal por conta própria e lembre-se que o veterinário de confiança é a pessoa mais indicada para analisar o seu animal e te informar sobre o tratamento adequado.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO prescrevemos substâncias ou tratamentos veterinários. NUNCA faça tratamentos em seu animal ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um veterinário.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)