Você precisa decidir sobre qual alimento dar ao seu animal de estimação. A parte de escolher o sabor nem é tão difícil assim. Porém, a decisão por ração úmida ou seca para bichos de estimação pode ser um pouco mais difícil.

Ração úmida ou ração seca para cães e gatos?

Você precisa analisar as duas opções, com seus prós e contras antes de fazer sua escolha de ração para seu cão ou gato.

Vantagens e desvantagens da ração úmida para animais de estimação

Nem todos os animais bebem tanta água como deveriam. Alimentos úmidos podem ser uma boa fonte de hidratação se o seu animal é do tipo que está relutante em beber quantidades adequadas de água. E depois, há as considerações de saúde que podem tornar os alimentos úmidos uma opção prática.

Por exemplo, ração úmida é boa para animais mais velhos que perderam alguns de seus sentidos olfativos e podem estar mais inclinados a comer um alimento que tem um aroma e sabor mais rico, como é o caso de boa parte das rações úmidas. Esta é também uma boa alternativa para quando um animal está doente e não pode cheirar tão bem, ou é tem de apetite. Isto irá assegurar que eles estão recebendo as proteínas, vitaminas, minerais que eles precisam para manter sua saúde. A ração úmida é boa para cães com falta de dentes, mandíbulas mal alinhadas, ou bocas menores.

Há vários inconvenientes para a ração úmida, no entanto. Alguns animais de estimação vão fazer uma bagunça ao comer a ração úmida, e aqueles com uma predisposição para desenvolver problemas dentários vão precisar de cuidados dentários mais atentos. A ração úmida, uma vez que tenha sido aberta, perde a validade mais rapidamente. Ela precisa ser coberta e refrigerada e usada rapidamente antes que possa estragar. Em alguns casos, a ração úmida não é tão econômica quanto a ração seca, ou seja, a ração úmida é mais cara. Dependendo da qualidade da ração úmida (e você vai querer escolher o melhor alimento de qualidade dentro de sua faixa de preço), a ração úmida pode ser mais cara do que a ração seca, e deve ser comprada em pequenas quantidades de cada vez.

 

Opção para alimentação com dificuldades digestivas

A opção melhor para cães e gatos mais idosos que tem dificuldades em mastigar e engolir é misturar a ração úmida com a ração seca, facilitando a digestão. Você pode até triturar a ração seca, facilitando ainda mais a alimentação do bichinho de estimação. (Foto: welovepetsq8.com)

Vantagens e desvantagens da ração seca para cães e gatos

A ração seca é mais barata que ração úmida, mais prática e dura mais tempo. A comida pode ser deixada de fora para o animal de estimação comer no seu próprio ritmo, sem medo de deterioração. Na verdade, muitos donos de animais apreciam a conveniência de preencher uma tigela com comida suficiente para alimentar o animal de estimação para o dia inteiro, se não dias, no caso dos gatos que são deixados em casa enquanto os donos fazem breves viagens para longe de casa.

Os alimentos secos são uma comodidade para muitos donos de animais. Eles podem ser deixados fora de seu armazenamento por horas, se não dias, e não estragar. Os alimentos secos são mais fáceis de armazenar, onde uma grande caixa de plástico com uma tampa apertada é geralmente suficiente para manter os alimentos frescos e seguros contra insetos e roedores além, é claro, de manter a ração segura contra os próprios animais de estimação mais “gulosos”.

Ração seca é melhor para quem tem muitos animais e também pode ser utilizada como um tratamento eficaz para formação de dentes e suplemento para a melhor saúde dentária. Alguns alimentos secos são especialmente formulados e tem o formato especial para limpar os dentes enquanto o cão ou gato mastiga. Resumindo, ração seca é tratamento para os dentes do bichinho de estimação.

A ração seca, porém, não fornece tanta umidade quanto a a ração úmida, algo que se torna mais importante enquanto um animal envelhece, quando um animal está doente, e em climas quentes, secos. Nesses casos, uma dieta alimentar úmida pode ser mais prática e saudável.

Qual é melhor: ração seca ou ração úmida?

Basicamente, qualquer uma destas opções deve satisfazer os requisitos nutricionais do seu animal de estimação, desde que os alimentos sejam bem equilibrados e feitos com ingredientes de qualidade. É apenas uma questão de qual das opções será o melhor para seu animal de estimação a longo prazo e que se adequa melhor ao seu estilo de vida.

Outra opção é misturar a ração úmida e a seca, ou usar a ração úmida como um ocasional “deleite” para o seu bichinho de estimação. Existem também receitas caseiras de ração úmida que usam ingredientes baratos, e podem se adequar melhor à sua realidade financeira e às necessidades específicas do seu bichinho de estimação.

Converse com seu veterinário, se você tiver quaisquer preocupações e antes de usar essas receitas caseiras, uma vez que pode haver considerações específicas para a raça do seu cão, gato ou por conta da idade do bichinho de estimação.

Tem alguma dica especial para quem tem que alimentar o pet com ração úmida ou seca? O que você recomendaria ao dono do bichinho de estimação?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO prescrevemos substâncias ou tratamentos veterinários. NUNCA faça tratamentos em seu animal ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um veterinário.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)