A raça perdigueiro português usada principalmente na caça, tem suas raízes como um antigo cão de caça ibérico em Portugal que remonta ao século XII. Inicialmente um cão de caça popular para a classe baixa, esta raça de caça portuguesa foi posteriormente para a Inglaterra, onde fazia parte do início do ponteiro inglês. Tudo se tornou extinto quando, na década de 1920, os criadores o trouxeram de volta à popularidade.

O que esperar do cachorro raça perdigueiro português?

O perdigueiro português é uma raça consistente: há mil anos parece praticamente o mesmo, com cabeça quadrada, corpo compacto e orelhas em forma de triângulo. A pelagem grossa pode ser amarela ou marrom clara, pontilhada por manchas brancas.

Pode crescer entre 20 e 22 polegadas/51 a 56 cm de altura e pesar entre 44 e 60 libras/20 a 27 quilos para os machos, enquanto as fêmeas podem pesar entre 35 e 46 libras/16 a 21 quilos. Com uma cauda média e forte, nivelada com as costas, quando feliz ou excitado, este cão apresenta uma constituição quadrada.

Personalidade dos cães perdigueiro português

Este cão afetuoso e amigável é extremamente atencioso e se dá bem como um animal de estimação da família. Os perdigueiros portugueses são caracterizados por velocidade e agilidade, além de serem altamente inteligentes e aproveitar a emoção da caça. Eles são obedientes, gentis e submissos, mas versáteis quando necessário.

Como uma raça gentil e afetuosa, esse cão precisa de atenção física constante, com bastante carinho e brincadeiras. Os perdigueiros portugueses farão todo o possível para obedecer ao seu mestre e agradá-lo. No entanto, às vezes, sua fisicalidade pode se tornar dominadora e delimitar o lado inadequado.

Eles precisam de muito exercício físico, especialmente em um quintal grande e aberto. Esta raça não se sai bem em um apartamento onde não pode ficar fora por uma boa parte do dia. Como tal, uma grande casa de família com um quintal ainda maior nos subúrbios é ideal para esse tipo de cachorro.

Tem uma expectativa de vida entre 12 a 14 anos, sendo uma raça de cães grandes.

Raça de cão perdigueiro português

Os perdigueiros portugueses são lindos cães para quem gosta de espaços abertos. (Foto: The Furry Critter Network)

Informações sobre o setter português

O Setter Português é uma raça consistente: há mil anos parece praticamente o mesmo, com cabeça quadrada, corpo compacto e orelhas em forma de triângulo. A pelagem grossa pode ser amarela ou marrom clara, pontilhada por manchas brancas. Pode crescer entre 20 e 22 polegadas/51 a 56 cm de altura de altura e pesar entre 44 e 60 libras/20 a 27 quilos para os machos, enquanto as fêmeas podem pesar entre 35 e 46 libras/16 a 21 quilos. Com uma cauda média e forte, nivelada com as costas, quando feliz ou excitada, este cão apresenta uma constituição quadrada.

Ele tem uma simpatia baixa, uma afeição média e um baixo nível de atividade. Este cão afetuoso e amigável é extremamente atencioso e se dá bem como um animal de estimação da família. Os setters portugueses são caracterizados por velocidade e agilidade, além de serem altamente inteligentes e aproveitar a emoção da caça. Eles são obedientes, gentis e submissos, mas versáteis quando necessário. Como uma raça gentil e afetuoso, esse cão precisa de atenção física constante, com bastante carinho e brincadeira. Os setters portugueses farão todo o possível para obedecer ao seu mestre e agradá-lo.

No entanto, às vezes, sua fisicalidade pode se tornar dominadora e delimitar o lado inadequado.

Eles precisam de muito exercício físico, especialmente em um quintal grande e aberto. Esta raça não se sai bem em um apartamento onde não pode ficar fora por uma boa parte do dia. Como tal, uma grande casa de família com um quintal ainda maior nos subúrbios é ideal para esse tipo de cachorro.

Aparência e cuidados com o perdigueiro português

Este cão é de baixa manutenção quando se trata de cuidados, embora deva ser esfregado e escovado a cada três ou mais dias para manter a pelagem brilhante. Se você tem uma variedade de cabelos longos, escove com mais frequência para manter os emaranhados e sujeira. Não negligencie os ouvidos, pois o pelo é longo.

Genética dos perdigueiros portugueses

O único grande problema de saúde comum com esta raça é sua tendência ao albinismo.

O setter português, remonta ao século XII, quando os navegadores portugueses levaram esse cachorro em suas viagens de navio quando descobriram as Américas;

Eles foram usados ​​na formação de raças populares que vemos hoje, como o Labrador Retriever e o English Pointer

Dúvidas? Deixem nos comentários suas perguntas e iremos responder!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO prescrevemos substâncias ou tratamentos veterinários. NUNCA faça tratamentos em seu animal ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um veterinário.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)