Vamos tratar sobre este importante assunto neste artigo. Conheçam os pontos importantes a serem observados, antes de fazer a escolha de ter um animal de estimação.

O carinho

Vamos começar pelo foco principal, este que realmente é o que mais deixa a desejar, entre as famílias que possuem animais de estimação. Muitas das pessoas optam por ter um animalzinho de estimação porque querem dá-los como presentes aos seus filhos, mas elas não pensam que muitas das vezes, não tem tempo nem para os filhos direito, como teriam para cuidar dos animais?

Existem estas pessoas realmente amam seus animais de estimação, existem pessoas que os tratam como monstros. Algumas pessoas consideram estes bichinhos como uma pedra no sapato, pois não souberam refletir bem e pesar os fatores principais na hora de escolher em ter ou não um animalzinho dentro de casa.

Indiferente de qual animal de estimação você goste, eles requerem muito cuidado, carinho, amor e atenção. Confiram abaixo uma lista com itens indispensáveis para um tratamento justo ao seu animal.

Condições

Muitas das vezes a pessoa sonha em ter um animalzinho, mas a real circunstância em que ele vive não permite. Considere as possibilidades de onde irá deixar o animalzinho em sua residência. Não estamos falando apenas de fazer uma casinha qualquer no fundo de casa e abandoná-lo lá. Você deve pensar que o animal assim como você, precisa de espaço e liberdade.

Como escolher um animal de estimação?

O que saber antes de ter um animal de estimação?

Tratamento

Talvez o ponto mais triste de toda essa história. Você deve pensar que existem doenças que atingem os animais, eles precisam de atenção e cuidados médicos. Assim como você, eles também devem tomar uma série de vacinas para prevenir algumas doenças.

Vale lembrar que estes medicamentos não são baratos, mas tudo isso deve ser analisado antes. Banhos, escovar os pêlos e dentes, tudo isso é de extrema necessidade para seu bichinho e ele não pode fazer isso sozinho.

Não adianta você desprezar o bichinho por estar fedorento, se você mesmo não fez seu papel de cuidar. Caso você não saiba como fazer isso, hoje em dia existem diversos tipos de Pet Shops, eles estão prontos e aptos para atender todas as especificações.

Alimentação

Uma alimentação saudável. Você sabe que cada animal tem um tipo de ração e alimento específico? Não compre um animal para ficar dando resto de comida para ele. Você não gostaria de ficar comendo resto dos outros.

Vizinhos

Outro fator de grande observação. Você pode ser uma pessoa que ama os animais, vai se dedicar ao máximo a eles, certamente não irá faltar amor e carinho, mas você possui um vizinho que não suporta barulho. Você como qualquer um sabe que um cachorro vai latir, um gato vai miar e os pássaros cantar.

Caso sua convivência com o vizinho seja boa, converse com ele antes de trazer o animal, evite uma série de dor de cabeças. Agora no caso dele ser uma mala sem alça, você deve optar por aguentar situações complicadas no relacionamento social com ele, devido ao barulho provocado por seu animal.

Você deve ter bastante cuidado, afinal, existem alguns tipos de pessoas tão desumanas, que resolvem este problema de barulhos dando veneno aos animais dos vizinhos. Talvez se você tenha vontade de ter um animal, mas não faz questão de algum específico, aconselhamos que neste caso você escolhesse um que não produza ruídos. Uma boa pedida para esta situação é um peixinho.

Considerações Finais

Lembre-se que eles são seres criados por Deus, assim como nós, eles precisam de todo carinho e atenção. Você sente a alegria deles ao ver o dono que o tratam bem, da mesma maneira você percebe um animal que é triste e que raramente recebe amor de seu dono.

Se você tiver um animal de estimação, seja ele qual for. Você deverá tirar um tempo de seu dia para conversar, brincar, levar para passear, cuidar. Mantenha o local que ele vive, sempre arrumado e limpo. Você assim irá evitar o problema com maus cheiros e automaticamente não vai começar evitar aquele mesmo local.

Trate seu animal como um filho, ame-o e certamente você será retribuído. Sinta toda a fidelidade e confiança que seu animal de estimação ira lhe passar. Aproveite a companhia deles ao chegar depois de um dia estressante, faça isso ao invés de descontar sua raiva neles. Todas estas dicas de bom relacionamento são válidas.

Estamos chegando ao final deste artigo e a dica final é, não tenha um cachorro se for mandá-lo calar a boca ao latir, não tenha um gato se for reclamar dos pelos que ele irá deixar pela casa, não tenha um peixe se for reclamar que ele vai sujar o aquário. Ou seja, não tenha um animal se você não quiser aceitar as suas necessidades.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO prescrevemos substâncias ou tratamentos veterinários. NUNCA faça tratamentos em seu animal ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um veterinário.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)